Carregando ...
 
Buscar

Cinco startups brasileiras estão entre as empresas que mais crescem no mundo

Entre brasileiras citadas na lista da Growjo estão a fintech catarinense CondoConta, a eCommerceTech Olist e a startup automotiva Voltz; Sul do Brasil se destaca




A Growjo, empresa estadunidense que rastreia as empresas e startups que mais crescem no mundo, acaba de divulgar o ranking das 10 mil empresas de maior crescimento em 2022. Lideram a lista as fintechs Open Sea e Axie Infinity, seguidas pela eCommerceTech Seller X e a empresa de delivery JOKR, enquanto a HRTech Oyster fecha o top 5. Cinco brasileiras figuram no ranking.


Liderando a lista das brasileiras está a fintech para condomínios CondoConta (173ª posição); a e-commerceTech Nuvemshop (219ª posição), derivada da argentina Tiendanube; seguida pela startup do ramo automotivo Voltz (578ª); da empresa de inteligência artificial Unico (649ª) e a também eCommerceTech Olist (761º).

O levantamento considera diversos fatores, entre eles receita anual, análise de concorrentes, notícias de financiamento, vendas e finanças, número de colaboradores, crescimento, aumento de valuation e outros drivers de crescimento. A Growjo também segmenta as listas com base na indústria. No ranking de fintechs, a fintech CondoConta sobe para o 56º lugar, a única brasileira no top 100 de fintechs no mundo. Já no ranking de eCommerceTech, o destaque fica para a curitibana Olist, que decola do 761º lugar do ranking geral para a 14ª posição no ranking de eCommerceTech.


Sul do Brasil se destaca


CondoConta e Olist, a primeira e quinta colocada entre as 5 startups brasileiras citadas no ranking, são do Sul do Brasil. A fintech para condomínios nasceu em Santa Catarina, enquanto a eCommerceTech nasceu em Curitiba. A unico foi criada em São Paulo, e, apesar de ser citada como brasileira, a Nuvemshop é derivada da Argentina Tiendanube. Já a automotiva Voltz foi criada em Recife, representando o Nordeste como a única nordestina citada.


Por que a lista é importante?


Segundo Rodrigo Della Rocca, CEO e cofundador da fintech CondoConta, primeira colocada entre as brasileiras da lista, o ranking ajuda a posicionar o Brasil como berço de soluções inovadoras e capazes de transformar e impactar todo o mercado de tecnologia e o ecossistema de inovação.


"Ver o CondoConta e outras quatro empresas brasileiras nessa lista é motivo de orgulho para todos os empreendedores brasileiros. É um reflexo do potencial das nossas soluções e dos nossos times, que ajudam a construir produtos que têm match com o mercado e cujo crescimento figura entre os maiores do mundo. Saber que o nosso propósito de transformar o mercado condominial e melhorar a relação das pessoas com os condomínios está sendo reconhecido, é motivo de orgulho", avalia Rodrigo.


O que fazem as startups selecionadas?

  • CondoConta: A fintech CondoConta é o primeiro banco para condomínios do mundo. Segundo a Growjo, o crescimento foi de 441% no último ano.

  • Voltz: A Voltz atua com a fabricação de motos elétricas. Segundo o ranking, cresceu 234%.

  • unico: A empresa de inteligência artificial unico trabalha com soluções de autenticação de identidade, crescendo 177% segundo a Growjo.

  • Olist: A Olist desenvolve soluções para marketplaces e cresceu 88%, segundo a Growjo.

  • Nuvemshop: A Nuvemshop trabalha com soluções para e-commerces e marketplaces, com crescimento de 191% segundo a Growjo.


Clique aqui para ver a lista completa da Growjo.





#EMPREENDEDORISMO #ECONOMIA